Quem matou Joffrey? Qual evento histórico inspirou o evento conhecido como Casamento Púrpura? E o que Martin queria que você sentisse ao ler esta cena nos livros?

Morte de Joffrey
Joffrey Baratheon morre envenenado durante seu casamento: Arte: A very small man can cast a very large shadow, por Josu Hernaiz.

No ano passado, o escritor das Crônicas de Gelo e Fogo divulgou em diversas entrevistas que a cena conhecida como Casamento Vermelho havia sido inspirada no Jantar Negro escocês. Em contexto, o rei da Escócia confrontava o clã Black Douglas, e oferecendo a paz em certo momento, dando ao jovem conde de Douglas passagem segura em suas terras. No final das contas, tudo isso era uma mentira para trazer a presa para o seu covil: durante o jantar, homens começaram a batucar em um tambor, ofereceram ao conde a cabeça de um javali negro (símbolo da morte), arrastaram seus homens para o pátio e os assassinaram.

Curiosamente, o Casamento Púrpura, de Joffrey e Margaery, também tem um evento histórico real como inspiração. Entrevistado pela EW, George R. R. Martin revela mais detalhes sobre sua criação:

Me baseei um pouco na história a morte de Eustace, o filho do rei Stephen da Inglaterra. Stephen tinha usurpado a coroa de sua prima, a imperatriz Maude, e eles travaram uma longa guerra civil e anarquia a guerra estavam destinadas e serem herdadas aos segundos de sua geração, porque Maude teve um filho e Henry e Stephen também. Mas Eustace morreu engasgado em uma festa. As pessoas ainda debatem isso milhares de anos mais tarde: Ele sufocou até a morte com a comida e vinho ou foi envenenado?

Cersei e Joffrey
Cersei Lannister e Joffrey Baratheon, por Magali Villeneuve. Fonte: Magali Villeneuve, Twitter pessoal.

Martin ainda fala nessa entrevista muitas coisas legais ao redor da criação da morte de Joffrey. Ele criou a trama com bastante cuidado introduzindo o próprio veneno que ele usou no início da história.

“O veneno que é usado para matar Joffrey é o mesmo que introduzi anteriormente nos livros e os seus sintomas são semelhantes à asfixia. . . Assim, uma festa é o momento perfeito para usá-lo. Eu acho que a intenção do assassino não era transformar este em um outro casamento vermelho, com assassinato em massa e carnificina. Acho que a idéia com a morte de Joffrey era fazer com que parecesse um acidente.”

Sobre como e quando Martin planejou matar Joffrey, ele conta que planejava isso desde o que o primeiro livro foi escrito em 1996, e que passou os anos seguintes criando a trama, tendo a escrito somente em 1998. O livro foi publicado em 2000.

Parte disso aconteceu porque há muito escuridão nesses livros. Eu tenho sido muito sincero no meu desejo de escrever uma história onde as decisões têm conseqüências e ninguém está a salvo. Mas eu não quero que seja uma história implacavelmente sombria, eu não acho que todo mundo iria ler os livros se tudo fosse apenas escuridão e desespero e se as pessoas estivessem apenas sendo terrivelmente torturadas e mutiladas e morrendo . De vez em quando você tem que dar aos mocinhos uma vitória – onde os caras que possuem leves tons de cinza vençam os caras que são um tom mais escuro de cinza. O Casamento Vermelho e este  que os fãs chamam de casamento Púrpura ocorrem no mesmo livro. Na série de TV, os acontecimentos se separaram entre as temporadas. Mas a morte de Joffrey era, em alguns aspectos, um contrapeso para os leitores à morte de Robb e Catelyn . Isso mostra que ninguém está seguro, às vezes os bons ganham, às vezes os bandidos ganham. Ninguém está a salvo. Eu também tentei fornecer um certo momento de emoção com a morte. Quero dizer, Joffrey como um ser monstruoso como ele é – e, certamente, ele não é tão monstruoso nos livros como ele é na sériede TV, e Jack trouxe algumas coisas novas incríveis para o papel que de alguma forma fez dele alguém ainda mais repugnante do que ele está foi escrito no livro – mas Joffrey nos livros ainda é um garoto de 13 anos de idade. E há um momento em que ele sabe que está morrendo e que ele não consegue respirar e olha para Tyrion e para a mãe e para as outras pessoas no recinto com apenas terror em seus olhos, você sabe, “Ajude-me, mamãe, eu estou morrendo.” E nesse momento, acho que até Tyrion vê um menino de 13 anos de idade morrer diante dele. Então eu não quero que ele seja inteiramente, “Hey -ho, a bruxa está morta.” Eu queria que o impacto da morte ainda trouxesse sentimentos mais complexos para parte do público, que eles não necessariamente apenas vibrassem.

Agora, algo que todo mundo procurou em nossa wiki durante toda a semana desde que o episódio foi exibido no último domingo: quem matou Joffrey? Isso é respondido de maneira um tanto quanto sugestiva ainda no livro A Tormenta de Espadas, e provavelmente será respondido em breve na série. Mas Martin respondeu essa pergunta para a revista Rolling Stone no início da semana:

 A conclusão tirada pelos leitores mais cuidadosos é a de que Joffrey foi morto pela Rainha dos Espinhos [Olenna], usando um veneno que estava na rede de cabelos de Sansa, então, se todos pensaram que ele foi envenenado, Sansa seria a culpada. Ela certamente tem uma boa razão para isso. Eu trago isso a tona porque eu acho que é uma questão interessante de redenção. É quase como matar Hitler. Será que a Rainha dos Espinhos precisa de redenção? Ela matou Hitler ou um garoto de 13 anos? Ou ambos? Ela certamente tem bons motivos para tirar Joffrey do jogo. Depois de tudo o que ouviu dele, ela percebeu que ele era bastante instável e se casaria com sua amada neta. A Rainha dos Espinhos estudou Joffrey bem o bastante para saber que, em algum ponto, ele se cansaria de Margaery e ela seria maltratada da mesma forma que Sansa foi. Mesmo que ela tenha removido Joffrey da história, a neta ainda poderá conseguir a coroa, sem precisar se colocar em risco. Então, neste caso, o fim justifica os meios? Eu não sei. Isso é o que eu gostaria que os leitores e telespectadores debatessem.

Se não ficou claro o que George quis dizer nesta entrevista, é legal saber o seguinte: a rede se cabelos de Sansa foi substituída na série pelo colar de pedras púrpuras que ela ganha de presente de Dontos.

Em tempo: na nossa wiki você encontra o resumo de quase todos os personagens e de todos os livros, se estiver curioso para saber os desdobramentos deste acontecimento tão importante da série. Acesse por aqui.