Guia dos Mil Mundos

Ilustração da capa da edição espanhol de Dying of the Light da editora Omnium.

Quem entrou em contato com a obra de George R. R. Martin nos últimos anos (e quase com certeza para quem vive no Brasil) muito provavelmente começou pelas Crônicas de Gelo e Fogo. É comum imaginar, a partir daí, que o autor se dedica à fantasia medieval, uma vez que quantidade de detalhes e apropriação do universo é de surpreender. No entanto, motivo de surpresa ainda maior é o fato de que a grande maioria dos trabalhos anteriores de Martin é o que podemos chamar de ficção científica. Dentro desse gênero, Martin possui um universo compartilhado no qual boa parte das suas histórias se ambientam: Os Mil Mundos.

No pano de fundo desse universo, a Terra (conhecido como Old Earth, ou Antiga Terra) se lançou em atividades expansionistas e acabou por descobrir uma infinidade de outros planetas, colonizando-os em sua maioria. Num dado momento, parte das colônias e outros resistentes acabaram por se rebelar e o Império entra em colapso. Os contos se passam em tempos e planetas diferentes situados nesse contexto. A Antiga Terra torna-se um lugar de entrada e saída praticamente proibido, e o leitor acaba se aventurando entre planetas distantes e únicos. A conexão entre os contos se dá a partir de uma história ou mitologia comum, lugares, personagens históricos, raças e religiões.

Capa da revista Analog de Julho de 1975, estréia do conto And Seven Times Never Kill Man, ilustração de John Schoenherr

Dito isso, ainda não se tem certeza de que todos os contos que pertencem a esse universo tenham sido encontrados, pois não existe nenhuma divulgação oficial completa. Há, porém, uma lista praticamente consensual, que inclui alguns dos seus contos mais importantes de Martin, como Uma Canção Para LyaReis da Areia e Voadores da Noite, por exemplo, e também seu primeiro romance, A Morte da Luz.

Ao todo, conseguimos catalogar 24 histórias, e nesta seção vocês poderão se informar sobre cada uma delas. Vale lembrar que não existe uma ordem específica para ler, já que também não há uma cronologia muito definida, por isso, optei por fazer esta tabela por ordem de lançamento. No entanto, é recomendável que os contos de Tuf Voyaging sejam lidos na ordem em que aparecem no romance no qual foram compilados, e não como no lançamento. Esta sequência estará nas notas da tabela abaixo. Para ter mais informações sobre cada uma das obras em específico, é só clicar nos títulos.

Além dos que estão catalogados na tabela, vale à pena comentar o caso dos três Contos de Operadores de CadáveresOverride, Nobody Leaves New Pittsburg e O Homem do Depósito de Carne. Embora em RRetrospectiva da Obra, Martin afirme que os três se passam em uma continuidade única e independente, a história Nobody Leaves New Pittsburg menciona planetas centrais dos Mil Mundos, como a “Antiga Terra”, “Newholme” e “Zephyr”. Sendo assim, fica incerta a conclusão a respeito deles.

Título original Título no Brasil Publicação original Publicação no Brasil
The Hero O Herói 1971 2017
With Morning Comes Mistfall Com a Manhã Vem o Pôr da Neblina 1973 2017
A Song for Lya Uma Canção Para Lya 1974 2017
And Seven Times Never Kill Man E, Sete Vezes, Nunca Mate o Homem 1975 2017
The Runners 1975
This Tower of Ashes Esta Torre de Cinzas 1976 2017
In the House of the Worm 1976
Men of Greywater Station* 1976
Starlady 1976
A Beast for Norn*** Uma Fera para Norn 1976 2017
The Stone City A Cidade de Pedra 1977 2017
Bitterblooms Flores Amargas 1977 2017
Dying of the Light A Morte da Luz 1977 2012
Call Him Moses*** 1978
The Way of Cross and Dragon O Caminho da Cruz e do Dragão 1979 2017
Sandkings Reis da Areia 1979 2017
Warship** 1979
Nightflyers Voadores da Noite 1980 2017
Guardians*** Guardiões 1981 2017
The Plague Star*** 1985
Loaves and Fishes*** 1985 2017
Second Helpings*** 1985
Manna From Heaven*** 1985
The Glass Flower A Flor de Vidro 1986 1990

* Escrito em parceria com Howard Waldrop;

** Escrito em parceira com George Florence Guthridge;

*** Parte de Tuf Voyaging, aventuras de Haviland Tuf. Foram compilados em um romance em 1985 que permance inédito no Brasil, embora dois desses contos figurem na RRetrospectiva da Obra. A ordem de leitura do romance é: The Plague Star, Loaves and Fishes, Guardians, Second Helpings, A Beast for Norn, Call Him Moses e Manna from Heaven.