maos_frias
Mãos Frias (Coldhands) e seu majestoso alce

Um usuário conhecido do reddit chamado _honeybird visitou o acervo da Crushing Memorial Library (biblioteca de livros raros e manuscritos importantes da Texas A&M University) e folheou o manuscrito de 1600 páginas do livro A Dança dos Dragões, publicado por George R. R. Martin em julho de 2011. O manuscrito estava cheio de notas da editora e respostas que Martin deu à essas notas. Em uma dessas respostas, Martin derruba uma das teorias populares sobre o personagem Benjen Stark, irmão de Ned Stark e membro da Patrulha da Noite que está perdido desde o primeiro livro, A Guerra dos Tronos.

Durante muitos anos, fãs da saga especulavam que Benjen Stark e o personagem Mãos-Frias (Coldhands) eram a mesma pessoa. Falamos mais profundamente sobre essa teoria aqui e lamentamos o fato da HBO ter cortado o personagem misterioso da série.
Para quem não leu A Tormenta de Espadas, Mãos Frias é um personagem que salva Gilly e Sam dos wights e encontra Bran Stark na Muralha, levando-o para o Corvo de Três Olhos.

Em um capítulo de A Dança dos Dragões em que Martin está falando sobre o personagem, a editora pergunta se ele é Benjen Stark, defendendo que Bran não o reconhece por nunca ter visto seu rosto. Martin então responde com um simples e enfático “NÃO”.

Ainda sobre o conteúdo do manuscrito, _honeybird conta que percebeu que alguns capítulos não estavam no manuscrito. Da lista de capítulos que a editora sabia que não se encontravam ali, apenas um não faz parte de A Dança dos Dragões. Trata-se de um capítulo de Bran, que acontece depois do capítulo final de Jon.

Além disso, ele conta que percebeu que Anne Groell, a editora, cortou em várias passagens alguns vícios de linguagem do Martin como “cedo ou tarde”, “palavras são vento (veja aqui e aqui)” e citações cansativas aos dedos de Davos Seaworth. Anne também questionou o fato de Fedor (Reek) ainda ter algum dente na boca e pediu mais contexto e desenvolvimento em alguns capítulos de Jaime:

Aqui, ela pede pra George deixar claro que Jon é comandante há pouco tempo, porque na cabeça dela ele já está no cargo há dez anos (por conta da demora da publicação do livro).Aqui Anne pede pra George tirar mais uma citação aos ossos dos dedos de Davos que ficaram perdidos na Baía do Água Negra

Aqui ela questiona o fato de Theon não ter dentes e conseguir comer um rato no capítulo anterior mas não conseguir comer uma refeição depois.

Aqui, um dos questionamentos que todo mundo tem quando a questão é contar selvagens.

Nesse capítulo de Jaime ela pede mais contexto, já que O Festim havia sido publicado há muitos anos e ninguém lembraria direito de onde ele veio e da carta de Cersei que ele rejeitara.

Essa aqui é uma imagem do lugar onde o trabalho está armazenado. Essa biblioteca deve ser um dos lugares mais interessantes do mundo para se visitar.

Mas voltando a questão que levanta o título desse post: Onde está Benjen Stark?